header

Acesso a Editores

Acessos

Hoje359
Ontem566
Esta semana3456
Este mês7967
Total1611864

43 visitantes online

PALAVRAS QUE EDIFICAM

MORRER PARA GERAR VIDA POR... luizmar de Sousa

O que significou para aqueles homens do primeiro século, que em sua maioria eram humildes e incultos, “tocar ou apalpar” a Vida? Significou sua transformação! Ao entrarem em contato com a Vida tão profundamente foram mudados, que entenderam o quanto vale a pena morrer por ela. Eles deram a vida por causa da Vida.
Segundo a tradição, Filipe e Simão foram crucificados, Pedro, não se achou digno de morrer como o Senhor Jesus e pediu para ser crucificado de cabeça para baixo. Lucas foi enforcado com crueldade numa oliveira na Grécia. Marcos amarrado a dois cavalos, dividido pelas pernas e Judas amarrado a um poste, morreu atravessado por espadas. Estevão foi apedrejado até a morte por uma multidão irada. Mateus morreu apunhalado por uma multidão na Pérsia, Bartolomeu foi arrastado e esfolado pelos pagãos. Tomé, na Índia, morreu despedaçado por cinco cavalos. O apóstolo Tiago foi decapitado pelo rei Herodes, Tiago, o menor, foi cortado ao meio por uma serra afiada enquanto Tiago, irmão do Senhor, foi apedrejado. Matias foi decapitado em Jerusalém, Paulo, assim como Timóteo, tornou-se mártir sob o poder de Nero e Barnabé morreu assassinado por judeus em Esmirna.
Como esses, muitos, muitos outros homens e mulheres derramaram seu sangue por terem recebido a Vida! Naquela época, as pessoas que passavam a crer tinham consciência da perseguição, a morte estava atrelada à vida! Nesse caso, o que as atraía para se tornarem cristãs? Eram motivadas só pelo que viam no viver dos que creram antes delas. Por nada mais. Não havia promessas triunfalistas e de vida fácil como vemos hoje. Não havia nomes em destaque, grandes eventos, lugares especiais, propaganda. Apenas gente comum seguindo o Senhor Jesus, algumas até a morte. Todavia, a igreja crescia dia após dia!
Crer no evangelho de Cristo significava morrer no dia seguinte, representava perigo. Representava prisões, açoites, apedrejamento, cadeias, enforcamento, ser queimado em fogueira, jogado em covas, em arenas para leões comer. Herodes e seus sucessores mataram milhares de santos dessa maneira. E, apesar da visível ameaça sobre todo o que abraçava a fé cristã, mais e mais pessoas, todos os dias, convertiam-se a Cristo.
Diante da iminência da morte, aqueles primeiros seguidores de Jesus, haviam descoberto algo! Descobriram uma vida pela qual valia a pena viver e pela qual valia a pena morrer.TEXTO DO LIVRO.....UMA VIDA  PELA QUAL  VALE A PENA MORRER

APOIO PUBLICITÁRIO

banner boasnovas